quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Estatística: Estupro e tentativa de estupro

De acordo com a estatística do Centro Integrado de Operações de Defesa Social (Ciodes), no 1º semestre deste ano foram registradas 64 solicitações de tentativa de estupro e 52 estupros.
Entre os 24 bairros onde ocorreram a violência, o congós aparece em primeiro lugar com cinco estupros no primeiro semestre, os bairros: Centro, Brasil Novo, Perpétuo Socorro, Jardim Felicidade, Universidade foram registrados pelo 190, com três casos de estupros em cada um desses bairros.
Embora o Ciodes 190 tenha computado 52 casos de estupros, apenas 37 foram registrados na Delegacia de Crime Contra mulher (DCCM).
De acordo com a delegada titular da DCCM, Josymaria Coelho durante o ano passado a delegacia da Mulher registrou 48 casos de estupros, “ Dessa forma, 37 estupros em apenas num semestre é considerado alto, pois ainda temos basicamente o 2º semestre inteiro pela frente”.
A delegada explica que quando a vítima é menor geralmente o abuso é feito por pessoas próximas como pai, tio, vizinho e quando é maior de idade o crime é praticado por pessoas desconhecidas. "Neste caso,na maioria das vezes o criminoso age encapuzado, alguns foram presos em flagrantes e outros por inquérito policial, quando a vítima é criança, a ocorrência é encaminhada à Delegacia da Criança e Adolescente", acrescenta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário